Agricultor de Tucumã apostar na produção de soja. Vinicius Becker em entrevista revela seu entusiasmos de como fazer um bom plantio e uma ótima colheita de soja.

Com Informações de Roney Wydiamaior/ Fotos/ Evanir Oliveira.

Em fevereiro do ano de 2016 o gaúcho Artur e a esposa Sigti Pufal, proprietários da fazenda ‘Vista Alta’ na região da vicinal P -3, por terem tradição agrícola desde do Rio Grande do Sul, realizaram pela a primeira vez no município de Tucumã, sul do Pará, o primeiro experimento de plantio de soja convencional. A época objetivo era saber se a terra alinhando as condições climáticas eram favoráveis para o cultivo da soja.

Pois bem! Depois de quase um ano surge na região da vicinal Chapéu Preto zona rural de Tucumã o interesse do jovem agricultor Vinicius Becker Rodrigues que juntos com os pais e os avos a fazer também um plantio de soja da espécie de sementes Y12 comercializada pela empresa Pioneer. A família que traz no sobrenome ‘Becker’ tradicionalistas do Sul do Brasil são conhecidos na região da P A 279 como uns dos maiores plantadores de milho.

Foram plantados nesse primeiro momento em uma área de 5 hectare de terra na fazenda Brejão com a perspectivas de colher algo entorno de cinquenta sacas de soja por cada hectare. Vinicius Becker em entrevista revela seu entusiasmos de como fazer um bom plantio e uma ótima colheita de soja, segundo ele o que mais importa e o tratamento de solo, a rotação de culturas, cobertura de solo e a chuva na época certa.

Segundo o agricultor esse trabalho é essencial para que possa ter uma colheita dentro da média. Técnicas inovadoras ao qual está sendo assistido por um agrônomo da empresa Agro- Sol e junto com muita força de vontade dos agricultores podem fazer de Tucumã um grande produtor de soja assim como já ocorre com a cultura do milho e do cacau, conta Vinicius Becker.

Com relação a comercialização quanto a produção da lavoura de soja foi informado que já há contatos com empresa de Porto Franco no estado do Maranhão ou para empresas ligadas ao setor em cidades de Redenção e Santana do Araguaia. Outra informação relevante se diz respeito a produção, estocagem e secagem de grãos ao qual será realizada no silo em uma propriedade na área rural de Canadá no município de Água Azul do Norte que já desenvolve o cultivo da soja ao certo tempo.

Para o vereador Laudi Witeck que tem trabalhado em busca de fortalecimento e do crescimento da agricultura e a pecuária alinhado a sustentabilidade assegura que o caminho será esse mesmo que o município de Tucumã vive uma realidade de uma grande fronteira agrícola. “Sim os Becker por terem experiência desde do sul com o plantio de soja e então nós temos que valorizar essas iniciativas já que estão trazendo novas tecnologias e opção do agronegócio aqui pra Tucumã. E então e muito importante esse registro feito hoje pra que fique na história do município”. Frisa Laudi Witeck.

Com relação a instalação de um silo, Laudi Witeck informa que existem alguns entraves o que neste momento impende que o produtor rural possa financiar esse empreendimento junto as agencias bancarias. “E o seguinte nós temos a questão da regularização fundiária que precisa avançar e acontecer e eu inclusive já protocolei um pedido do silo pra Tucumã, na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia – Sedeme, porém e algo no ordem de R$ três a cinco milhões de reais, eu acredito que futuramente dado a produção uma empresa do agronegócio possa a vir se instalar aqui do tipo Bunge, Cargill que são compradores da matéria prima o que poderá virá um comercio e consequentemente ter condições de comprar a nossa produção de soja aqui em Tucumã”. Informa Laudi Witeck.

Municípios produtores de soja – Os municípios paraenses de Paragominas, Santarém, Dom Eliseu, Ulianópolis, Rondon do Pará, Redenção e Santana do Araguaia e agora Tucumã já iniciaram o cultivo de áreas de soja. Porém os maiores gargalhos estão nas áreas de infraestrutura, logística e regularização fundiária.

O pastor da Igreja Assembleia de Deus de Madureira da cidade de São Félix do Xingu, José Ribamar de Oliveira, morreu em um acidente de carro ocorrido no início da madrugada desta quinta-feira (14), na BR-155, entre Xinguara e Rio Maria.

Segundo informações uma carreta havia saído da rodovia, mas a traseira ficou ocupando parte da pista e o carro onde estava o pastor colidiu.

Ribamar ainda foi socorrido no hospital de Rio Maria, e encaminhado para o Hospital Regional, em Redenção, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo informações o pastor José Ribamar estava indo para a vila Bela Vista, no município de Floresta do Araguaia, onde iria dirigir a igreja local. (Otavio Araújo/Com informações de Sandoval Xavier)

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) denunciaram novos ataques na manhã desta terça-feira (12) ao acampamento Hugo Chávez, em Marabá, sudeste paraense. Os trabalhadores afirmam que um grupo de pistoleiros chegou ao local e começou a atirar contra o acampamento.

O local fica na fazenda Santa Teresa, que deverá ser alvo de uma ação de reintegração de posse nesta quarta-feira (13). Segundo o MST, o local sempre foi alvo de conflitos, que se intensificaram na segunda-feira (11), quando foram registrados dois ataques, também cometidos por pistoleiros.

Apesar de não ter registro de feridos na ação, o clima de pânico tomou conta do local. Eles contam que os disparos chegaram a ser feitos inclusive contra crianças e mulheres que estavam no local. (DOL)

O Carajás Centro de Convenções “Leonildo Borges Rocha” está localizado na Rodovia BR-222, Folha 30 – Bairro da Nova Marabá

A população paraense recebe com grande programação, a partir de sexta-feira (15), em Marabá, mais uma grande obra que vai beneficiar diretamente as regiões Carajás e Araguaia. É a inauguração do Carajás Centro de Convenções “Leonildo Borges Rocha”, localizado na Rodovia BR-222, Folha 30 – Bairro da Nova Marabá, que representa um investimento de aproximadamente 31 milhões de reais.

O nome do local, uma proposta aprovada na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) pelo então deputado estadual Tião Miranda, hoje prefeito da cidade, homenageia o empresário paraense Leonildo Rocha, importante investidor econômico da região Norte.

Durante a programação, o Centro Regional de Governo também será instalado, com o objetivo de fortalecer as políticas de governança integrada direcionada aos 27 municípios que compõem as duas regiões, além de programações paralelas e integradas.

Mesmo com a forte crise financeira em que atravessa o país, o Governo do Estado concluiu e entrega à população o Carajás Centro de Convenções, um dos maiores e mais modernos espaços públicos do setor de turismo de negócios e eventos do Brasil. Localizado na Rodovia Transamazônica, o empreendimento possui 13 mil m² de área construída em um terreno de mais de 33 mil m², abrigando quatro grandes blocos modulados. Um deles é destinado exclusivamente à feiras, grandes shows e convenções, com 4.800 m² e capacidade para abrigar mais de 10 mil pessoas, com palco fixo de 200 m², dois camarins, copa, banheiros e toda a estrutura e segurança necessárias para receber grandes eventos.

Já o segundo bloco, com andar superior e térreo, abriga ambientes climatizados como área administrativa, praça de alimentação, restaurante e lanchonete. O terceiro prédio contempla um teatro com mil lugares e uma sala multiuso de mil metros quadrados com capacidade para 400 pessoas e que pode ser subdividida em dez espaços menores, com 40 poltronas cada. O quarto espaço é dedicado a um auditório com capacidade para 520 pessoas, sendo que este é adaptável, podendo ser dividido em cinco células de 104 lugares cada, com divisórias removíveis, isolamento acústico, além de palco, área de circulação e amplo estacionamento.

Programação e serviços

Toda essa estrutura já será inaugurada em meio a ações de cidadania, extensa agenda cultural para a população e seminário direcionado ao fomento do turismo local. Nos dias 15 e 16, das 8h às 14h, o Pro Paz Cidadania oferecerá vários serviços gratuitos como emissão de Cadastro de Pessoa Física (CPF), Registro Geral (RG), 1ª e 2ª via de Certidão de Nascimento, fotografias 3×4, Identidade Jovem (ID Jovem), Identidade de Nome Social e aconselhamento jurídico.

No sábado (16), de 9h as 18h, o turismo da região é o foco do seminário técnico “Centro de Convenções e o Mercado de Eventos”, organizado pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur), que também fará a gestão inicial do novo espaço. A programação conta com uma conferência de abertura e painéis, onde será debatido o panorama do mercado de eventos na região pelo titular da Setur, Adenauer Góes e representantes da Associação Brasileira de Centros de Convenções e Feiras (Abraccef); Revista Eventos (SP); Sindicato das Empresas de Eventos e Centros de Eventos do Rio Grande do Sul (Sinproven); Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) e empresa de eventos Faz e Acontece.

Com o apoio da Prefeitura Municipal, nos dias 15 e 16, moradores de Marabá e cidades vizinhas vão participar de ampla programação cultural para comemorar a inauguração do Centro de Convenções com espetáculos de música, teatro e dança. No show principal, na noite de sexta-feira (15), participarão artistas como Lia Sophia, Lia Soares, Pinduca, Viviane Batidão e Joelma.

Já no sábado (16), estarão no palco grandes nomes da música marabaense como Ruana Ly, Dedê Alves, Diego Aquino, Júlio César, Beto Lima, Nenzinha Souza, Clauber Martins, André Abreu, Dalvan de Marabá, Javier de Marabá, Kedson Soares, Junior de Oliveira, Nilva Burjack, Junior do Teclado Mágico e Sara Peixoto. O acesso aos shows terá capacidade limitada e os ingressos serão distribuídos previamente em três quiosques localizados no Shopping Pátio Marabá: Estação Cidadania, praça de alimentação e no terceiro piso do shopping.

Entregas imediatas

Além da instalação do Centro Regional de Governo, representação de governança integrada do Pará na região, o governador Simão Jatene fará entrega de 70 veículos, da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), que vão atuar em 54 municípios. O investimento apenas com esses veículos supera R$ 4 milhões.

O governador Simão Jatene também entrega, na sexta-feira (15), pela manhã, 120 lotes do Projeto Estadual de Assentamento Sustentável (PEAS) Lourival Santana, em Eldorado dos Carajás.

No sábado (16), Jatene estará em Palestina do Pará, onde inaugura uma Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) no valor de aproximadamente R$ 1 milhão de reais para a população. Com esta nova obra, são mais de 60 Unidades Integradas entregues em todo o Estado desde 2011.

Paralelamente à agenda governamental em Marabá, gestores e técnicos do Sistema Único de Assistência Social (Suas) receberão orientações sobre a execução e otimização de recursos oriundos de um acordo firmado entre Estado e municípios, garantindo o repasse de mais de R$ 7 milhões para ações na área de Assistência Social. O evento é uma promoção do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster) e Secretaria Extraordinária de Estado dos Municípios Sustentáveis (Semsu).

Próximas entregas

Na área de políticas públicas, também está prevista, para o início de 2019, a ampliação do Centro de Internação do Adolescente Masculino (CIAM), da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa), um investimento de aproximadamente R$ 2,6 mi.

O espaço terá sua capacidade de atendimento ampliada com a reforma e construção de alojamentos mais humanizados, com adequação de espaçosos arejados e uma quadra de esportes coberta, tudo seguindo as normativas do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase). Atualmente, a Unidade atende a demanda de 36 municípios da região do Carajás e do Lago de Tucuruí, mas deve ampliar o acolhimento de adolescentes que cumprem medidas socioeducativas com as melhorias.

Já na área do saneamento, o Governo do Pará também trabalha na finalização da construção da Estação de Tratamento de Esgoto Sanitário (ETE), em Marabá, um moderno sistema de saneamento básico com capacidade para atender 86.000 habitantes, gerido pela Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa).

A primeira etapa da Estação representa um investimento de mais de R$ 117 milhões, parte com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), através de empréstimo junto ao FGTS no valor de R$ 78,20 milhões, e mais R$ 38,97 milhões do Tesouro do Estado. A Companhia está na fase de implantação das ligações intradomiciliares para, então, ser colocada em operação.

Por Governo do Estado do Pará

Uma operação da Polícia Federal chamada Dominadores do Lago cumpre nesta terça-feira (12) cinco mandados de condução coercitiva, quando a pessoa é levada para depor e três de busca e apreensão no sudeste do Pará. De acordo com a PF, os alvos da operação são pessoas que estariam promovendo o loteamento ilegal da região conhecida como Lago dos Macacos, localizada entre os municípios de Marabá e Itupiranga.

Os crimes investigados são os de invasão de terras públicas, estelionato e associação criminosa, cujas penas somadas podem chegar a 11 anos de reclusão. (Fonte G1/PA)

Aline e Jean com a vítima Maria Francisca de Souza Vaz / Fotos: reprodução internet

Cinco pessoas que teriam envolvimento na morte da missionária e cabelereira Maria Francisca de Souza Vaz e de Joanice Oliveira de Jesus, no último sábado (9) em Redenção, sul do Pará encontram-se na delegacia sendo ouvidas.

Missionário Ricardo.Entre os acusados do crime estão o missionário, Ricardo; a filha e o genro da missionária, Aline e Jean. E outras duas pessoas identificadas como Euzilene Alves e Wesley.

A missionária Francisca teria sido assassinada por seu colega Ricardo e por Euzilene. Já Joanice Oliveira de Jesus teria sido morta por Aline, Wesley e Ricardo.

O crime chocou a cidade devido à crueldade, a missionária foi encontrada caída em um cômodo da casa, com um saco de cimento na cabeça. O corpo de Joanice estava no banheiro da residência, com um pedaço de madeira na boca.

Na manhã desta terça-feira(12), os delegados devem falar sobre o caso. Por /Conexão Pará

A foto de um candidato aparece na sua caixa de e-mail ou pula na tela do seu celular. Ao lado do rosto sorridente, um pedido: dê dinheiro “para minha campanha.”

A situação será mais comum em 2018 do que em qualquer outra eleição, segundo a expectativa de candidaturas que começam a se organizar e de consultorias em busca de clientes para o pleito.

É uma conta simples: sem as contribuições de empresas (proibidas pelo Supremo Tribunal Federal em 2015), políticos vão precisar ampliar canais de arrecadação.

Já terão o reforço do fundo eleitoral de aproximadamente R$ 2 bilhões criado neste ano pelo Congresso, mas esperam também a verba das campanhas virtuais.

A Polícia Civil de Redenção investiga duplo caso de femincídio, ocorrido no Setor Serrinha, na madrugada deste sábado (09), onde duas mulheres foram barbaramente assassinadas, dentro da casa de uma das vítimas. As vítimas foram a missionaria e cabeleireira Maria Francisca de Souza Vaz e Joanice Oliveira de Jesus, que residia próxima a  casa da  missionaria.

De acordo com as primeiras informações levantadas pela Polícia Civil, o crime ocorreu na madrugada de sábado, na residência da missionaria, localizada na rua Paulo Quartins Barbosa, no Setor Serrinha.

Segundo a Polícia a missionária Francisca Souza foi encontrada caída em um cômodo da casa com um saco de cimento na cabeça. A sobrinha Joanice, foi encontrada morta no banheiro da residência, com um pedaço de madeira na boca.

De acordo com a polícia o crime teve requintes de selvageria pelos criminosos ou criminoso. Um dos detalhes que intriga a polícia é que não há sinais de arrombamento na casa e aparentemente nada foi roubada das vítimas, o que leva a polícia a acreditar que o duplo homicídio pode ter sido motivado por vingança ou execução.

Tão logo a informação da barbárie se espalhou pelo Setor Serrinha, inúmeras pessoas  foram até o local para ver a veracidade da notícia  que abalou a população do setor. As informações levantadas pela polícia são as de que a sobrinha da missionária havia ido dormir na casa da tia. Joanice é esposa de um empresário do ramo de gráfica em Redenção.

As informações que chegaram até a redação do blog são as de que os corpos serão levados para exames no IML de Marabá. Dinho Santos

Um avião de pequeno porte caiu na manhã desta sexta-feira (08), na vila Nereu, que fica distante 50 km da sede do município de São Félix do Xingu.

Segundo as informações havia um cavalo morto na pista e o piloto teve que arremeter a aeronave e bateu em fios de energia que ficam próximos da pista.

Ainda segundo informações as pessoas que estavam dentro da aeronave que estavam vindo de Santarém responsáveis por plantio de soja na região sofreu escoriações e alguns chegaram a quebrar clavícula e nariz, mas sem vítima fatal.(Otávio Araújo).

Agentes prisionais do presídio de Parauapebas, sudeste o Pará, descobriram um túnel em uma das celas das unidade. A operação impediu a fuga de um grupo de detentos da carceragem. A escavação já tinha um metro de profundidade e três metros de extensão.

Segundo a Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), uma grande quantidade de terra foi encontrada na cela, que foi interditada para reparos.

O grupamento tático operacional da Polícia Militar foi acionado para reforçar a segurança na unidade prisional. A carceragem de Parauapebas tem atualmente 148 detentos e a capacidade é para noventa presos. (G1/PA)

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vai mudar novamente e abandonar o formato em papel para virar um cartão de plástico com microchip, que reunirá informações do motorista.

Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana, promete que a mudança será feita até 1º de janeiro de 2019 – prazo final de adaptação dos Detrans estaduais ao novo modelo.

O deputado federal Francisco Everardo Oliveira Silva (PR-SP), mais conhecido como Tiririca, acabou de renunciar seu mandato na Câmara.

Tiririca, que já avisara que não concorreria à reeleição, acaba de anunciar que renuncia ao seu mandato na Câmara, informa o site Metrópoles.

“Saio totalmente com vergonha. Não são todos, mas eu queria que vocês tivessem um olhar pelo nosso país, a nossa saúde”, disse o palhaço, deputado mais votado do país em 2010 (com 1,3 milhão de votos) e reeleito em 2014.

Alojamento da mineradora canadense Belo Sun no Pará (Foto: Reprodução)

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) em Brasília considerou por unanimidade que o processo de licenciamento do Projeto Volta Grande, realizado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS) é válido. Entretanto, optou por manter a suspensão da Licença de Instalação (LI) do empreendimento. O tribunal informou verbalmente a companhia de sua decisão, no entanto, ainda não publicou os detalhes escritos.

Em abril deste ano, o TRF1 suspendeu a LI do empreendimento porque a Funai não aprovou o Estudo de Componente Indígena (ECI) realizado pela empresa e protocolado junto à Funai e SEMAS em abril de 2016.

De acordo com a decisão do TRF1, a Belo Sun Mineração deve completar o ECI seguindo as diretrizes da Funai. Todas as opções legais disponíveis serão avaliadas. A Belo Sun Mineração busca a autorização da FUNAI para visitar as terras indígenas e realizar as entrevistas necessárias para eventual complementação do estudo.

Peter Tagliamonte, presidente e CEO da Belo Sun, comentou: “Estamos desapontados com a decisão, no entanto, estamos confiantes de que uma solução pode ser alcançada. Continuaremos trabalhando com a Funai para garantir que nosso ECI atenda aos seus requisitos e em paralelo pretendemos explorar todas as medidas legais para apelar a decisão”.

Sobre a Belo Sun Mineração

A Belo Sun Mineração Ltda. é uma empresa de mineração sediada no Pará, em Altamira. Ela é subsidiária da Belo Sun Mining Corp., empresa sediada no Canadá, com ações listadas na Bolsa de Valores de Toronto, a TSX (Toronto Securities Exchange).